Câmeras permitem volta ao mundo em tempo real

Compartilhe
TwitterFacebookWhatsApp

QUARENTENA

No portal Windy.com há câmeras até de bases científicas na Antártida, cheias de pinguins.

 

Sites que transmitem em tempo real (ou quase) as imagens captadas por câmeras espalhadas por todos os continentes permitem dar uma volta ao mundo sem cruzar as fronteiras do isolamento social, como mostra reportagem de Eduardo Maia, em O Globo (leia a íntegra aqui).

Páginas como Earth Cam, Skyline Webcams e Makotrav apresentam uma vasta compilação de câmeras instaladas em locais públicos como a Times Square, em Nova York, a Fontana di Trevi, em Roma, ou Praia de Ponta Negra, em Natal. No portal Windy.com há câmeras até de bases científicas na Antártida, cheias de pinguins.

O uso da tecnologia da informação, como o live streamming e tours virtuais, é uma estratégia cada vez mais conectada com o consumidor contemporâneo. Na visão do professor das faculdades de Turismo da Universidade Federal Fluminense (UFF) e da Universidade Veiga de Almeida (UVA), José Carlos Dantas, quem já tem essas ferramentas neste momento de quarentena pode ser recompensado no futuro.

  Publicações

  Para pensar