Garota de 12 anos vence concurso da Nasa usando princesa como inspiração

Compartilhe
TwitterFacebookWhatsApp

NÃO DEIXE DE LER

Isadora venceu na categoria Ensino Fundamental I inspirada em contos de fadas

 

O interesse pela ciência pode vir cedo e de formas curiosas. Isadora Vasconcelos tem 12 anos e estuda em uma escola da rede pública de Recife. Incentivada por um de seus professores, se inscreveu no concurso de redação “Cientista por um Dia 2020-2021”, da Nasa, em uma disputa que teve 14 mil inscritos. Isadora venceu na categoria Ensino Fundamental I inspirada em contos de fadas.

A proposta da redação era escrever sobre uma das três luas de Urano visitadas pela sonda Voyager 2, da Nasa, em 1986. Os inscritos tiveram que estudar Ariel, Oberon e Titânia e definir para qual delas uma nova expedição deveria retornar. Isabela escolheu Arieliano (Ariel) e se inspirou na princesa dos contos. Em reportagem para o UOLEd Rodrigues conta como a redação “Ariel: Do mundo da fantasia para realidade de um mundo fantástico”, de Isadora, encantou os pais e o professor, conquistando também os jurados do concurso (leia a íntegra).

A pequena recifense optou por fazer, de forma leve e divertida, uma comparação entre as duas Ariel – a lua e a dos contos de fadas – e levou o prêmio. Seu texto será publicado, em inglês, no site da Nasa. Além disso, Isadora ganhará um certificado de vencedora do concurso.

O universo e a tecnologia são temas que encantam Isadora. Uma de suas maiores incentivadoras é a mãe, a professora Aliria Monteiro, que teve sua vida transformada pela educação. Já a ideia de inscrever Isadora no concurso foi do seu professor de geografia, Alamy Verissímo que criou o clube de astronomia do qual a estudante faz parte. “Percebi que ela é uma pesquisadora nata”.

  Publicações

  Para pensar