Pesquisar

tempo de leitura: 2 min salvar no browser

{ PUBLICAÇÃO }

Surgimento do Metaverso é comparável ao das grandes navegações do século 15

Caderno Democrático já disponível para leitura on-line ou download traz íntegra da entrevista do engenheiro Maurício Andrade de Paula

 

 

Redação Scriptum

 

O mundo vive um momento que pode ser comparável ao das grandes navegações e explorações do século 15. “É aprender, experimentar, medir, inovar”, define o engenheiro eletrônico Maurício Andrade de Paula, personagem da mais recente publicação do Espaço Democrático, o caderno Metaverso – O que é? Como está mudando nossas vidas? Ele é profundo estudioso do mundo virtual que tenta replicar a realidade por meio de dispositivos digitais. O fascículo, disponível para leitura on-line ou download, traz a íntegra da entrevista de Maurício ao programa Diálogos no Espaço Democrático, do canal de Youtube da fundação do PSD.

Maurício define o Metaverso de uma maneira simples e abrangente: “Prefiro entender, como outros pesquisadores e estudiosos do tema, que é a remoção das fronteiras entre o físico e o digital, criando experiências absolutamente híbridas e capazes de explorar o melhor de cada uma destas realidades”.

Ele, que tem pós-graduação em Criatividade e Inovação e MBA em Tecnologia, explicou, na entrevista conduzida pelo jornalista Sérgio Rondino, como o Metaverso vem se desenvolvendo a partir de iniciativas empresariais nas mais variadas áreas. Muitas são as aplicações práticas já sendo exploradas. “A criação de ambientes de trabalho virtuais, nos quais equipes inteiras podem fazer reuniões, treinamentos, desenvolver projetos e realizar onboarding de novos funcionários, como se todos estivessem juntos em uma mesma sala, já é realidade”, aponta.

Também participaram da entrevista o cientista político Rubens Figueiredo e o economista Luiz Alberto Machado.


ˇ

Atenção!

Esta versão de navegador foi descontinuada e por isso não oferece suporte a todas as funcionalidades deste site.

Nós recomendamos a utilização dos navegadores Google Chrome, Mozilla Firefox ou Microsoft Edge.

Agradecemos a sua compreensão!